Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXV

Elvira Fortunato, ministra do Ensino Superior, em portalegre Saúde mental é prioridade

24-10-2022

A ministra da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, disse, durante a sessão de abertura do Welcome Week’22, que acolheu os novos estudantes do Instituto Politécnico de Portalegre, “que nenhum aluno deve deixar de estudar por falta de apoios sociais”.
Elvira Fortunato participou, no passado dia 17, com o secretário de Estado do Ensino Superior, Pedro Nuno Teixeira, num evento que pretendeu dar as boas vindas aos novos alunos daquela instituição. A ministra aproveitou a ocasião para anunciar o nome do novo Diretor-Geral do Ensino Superior, Joaquim Mourato, antigo presidente do Politécnico de Portalegre e do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos.
Na sua intervenção salientou aos estudantes que encheram por completo o auditório Francisco Tomatas, no campus Politécnico, dois programas que considera importantes: o + Superior, que incentiva os jovens a procurarem instituições de ensino superior no interior do país; e o “programa de promoção de saúde mental, que está a ser trabalhado com o MInistério da Saúde”.
A questão do alojamento também não foi esquecida pela ministra, referindo-se aos mais de sete milhões de euros aprovados, no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência para a construção de cerca de 150 camas para o Politécnico de Portalegre. Como o Ensino Magazine anunciou, em primeira mão, este investimento vai permitir ao Politécnico de Portalegre continuar a investir na melhoria das condições de alojamento e bem-estar dos estudantes deslocados e no crescimento do ensino superior no Norte Alentejo.
As novas residências ficarão localizadas em Portalegre, no Palacete do Visconde dos Cidraes e num edifício da Rua Mouzinho de Albuquerque, que reúnem as condições para, juntamente com as já existentes, serem disponibilizadas 370 camas para os estudantes.
Após a sua intervenção, Elvira Fortunato, num tom mais informal, desafiou os alunos e os presentes a tirarem uma selfie, referindo que esta prática tem sido seguida nas diferentes visitas que tem realizado a outras instituições. A foto tiver mais reações nas redes sociais garantirá um prémio para a instituição vencedora.
Ainda na sessão de abertura, Luís Loures, presidente do Politécnico de Portalegre, destacou as mais valias da instituição. Falando para os estudantes, sublinhou que “os próximos anos serão os melhores das vossas vidas”, lembrando-lhes também a responsabilidade em concluírem a sua formação.
Fermelinda Carvalho, presidente da Câmara, falou das mais valias em estudarem numa cidade como Portalegre, enqanto que a representante da Associação Académica, Carolina Henriques, mostrou abertura em acolher os novos alunos, momentos depois da Tuna mista do Politécnico de Portalegre ter aberto a sessão.

 
Voltar