Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXV

A aula de Marcelo e a educação em Portugal

O Presidente da República voltou ao seu antigo liceu para dar uma aula sobre os partidos políticos que “vivem em compartimentos estanques” e lançou um repto sobre a reestruturação da Educação num Portugal “completamente diferente”.

Universidade de Évora: Professor Jafar Jafari debate hospitalidade no turismo

Jafar jafari, Professor Emérito da Universidade Wisconsin-Stout (Estados Unidos da América,) esteve na Universidade de Évora, no dia 20 de setembro, para proferir uma conferência intitulada “Hospitality and Tourism: the same or changed?”.

António Guterres: Educação é o investimento mais importante que qualquer país pode fazer

O secretário-geral da ONU, António Guterres, exortou hoje os Governos de todo o mundo a aumentar o financiamento à Educação, sublinhando que esse é o "investimento mais importante que qualquer país pode fazer".

Docente de Évora na Science Summit da Assembleia Geral das Nações Unidas

O docente da Universidade de Évora (UÉ) e investigador no Centro de Estudos e Formação Avançada em Gestão e Economia (CEFAGE), Soumodip Sarkar, foi convidado para ser orador da Science Summit da 77ª Assembleia Geral das Nações Unidas (UNGA77). A informação foi veiculada ao Ensino Magazine pela própria academia.

Politécnico de Leiria: Carlos Rabadão toma posse como presidente

Carlos Rabadão toma posse como presidente do Politécnico de Leiria no dia 22 de setembro. A sessão decorre às 15h00, na Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG) do Politécnico de Leiria.

Trojan Horse Was a Unicorn começa segunda-feira e com novidades

O encontro internacional Trojan Horse Was a Unicorn (THU), criado em Portugal e dedicado ao entretenimento e videojogos, volta a sair de Portugal em 2023, num momento de mudança e para responder a "uma enorme procura" de talentos.

Professores: contratação direta pelas escolas acelera recrutamento

O ministro da Educação, João Costa, considera que a contratação direta de professores pelas escolas está a permitir que o processo de recrutamento acelere e aconteça em menos de duas semanas.

A aventura dos jovens portugueses que "foram" à Lua e a Marte

Entre gritos, enjoos e gargalhadas, 30 jovens "foram" hoje à Lua e a Marte, de avião, com partida e chegada de Beja, uma viagem que lhes permitiu fazer pelo caminho flexões, elevações ou cambalhotas no ar.

Escola segura é o mais antigo programa de segurança do país e é um dos poucos no mundo que não sofreu mudanças

Os polícias do programa Escola Segura mantêm há 30 anos os mesmos objetivos, adaptando-se apenas em cada ano letivo às novas problemáticas dos alunos e à evolução da sociedade.

Universidade de Évora: provedores do estudante e do trabalhador não docente tomaram posse

Os Provedores do Estudante da Universidade de Évora, Manuel Pereira dos Santos, e do Trabalhador Não Docente e não Investigador, Joaquim Godinho, tomaram posse numa cerimónia onde participaram o vice-reitor da UÉ, João Nabais, e o presidente do Conselho Geral, João Carrega.

Ensino Superior: António Costa quer criar 26 mil camas para estudantes até 2026

O primeiro-ministro assumiu a meta de Portugal ter 26 mil camas para estudantes até 2026, num discurso em que considerou a questão do alojamento como um dos maiores obstáculos no acesso ao ensino superior.

Universidade de Évora faz receção aos novos alunos no dia 15

A Universidade de Évora realiza, dia 15 de setembro, a receção aos novos estudantes. A iniciativa tem início às 16H30, no Colégio do Espírito Santo, com o acolhimento e entrega do Kit de Boas Vindas.

O que vai mudar nas escolas este ano letivo

As aulas vão começar esta semana para cerca de 1,3 milhões de alunos, que regressam às escolas sem regras de prevenção contra a covid-19 mas com a notícia de continuarem a faltar professores para muitos estudantes. Ficam algumas perguntas e respostas sobre o novo ano letivo.

Batoréis da nossa terra

O livro “Batoréis da nossa terra”, da autoria de Manuel Geada Sousa (edições Caderno do Século) apresenta, de forma documentada e suporte fotográfico os batoréis da vila de Alcains. O autor fala-nos da importância que os batoréis tiveram no quotidiano do povo, e dá como exemplo os simples factos de “contar ou falar das coisas boas e más da vida, da saúde, das dificuldades, e de outros acontecimentos, ou simplesmente «dar ao serrote», entrando na «má-língua», falando da vida dos outros sentados comodamente à porta no batorel.

Turismo e desenvolvimento dos territórios do interior

“Turismo e Desenvolvimento dos Territórios do Interior”, coordenado pela investigadora e docente da Escola Superior de Gestão do Instituto Politécnico de Castelo Branco, Paula Reis, “reúne um conjunto de trabalhos de natureza científica muito relevante, desenvolvidos por investigadores que procuram realçar, através dos seus trabalhos de investigação, exemplos de projetos diferenciadores ou de iniciativas inovadoras do setor do turismo que têm contribuído, de forma consistente, para o crescimento económico, para a criação de emprego e para a coesão territorial de um país manifestamente desequilibrado entre o seu interior e o seu litoral”.

Sagrado Criptojudeu apresentado dia 23

Sagrado Criptojudeu – Orações (RVJ Editores) é o novo livro da professora e investigadora Antonieta Garcia. A obra, editada pela RVJ Editores, vai ser apresentada dia 23, às 21H00, na Biblioteca Municipal “Eugénio Andrade, no Fundão, numa sessão onde serão lidas orações, por Adelino Pereira; e onde será projetado um vídeo sobre o tema.

Pedro Alvito, o mestre templário

“Pedro Álvares Alvito – o mestre templário que fundou Castelo Branco”, da autoria de José Carlos Moura, acaba de ser editado pela RVJ Editores. O livro infantil, com ilustrações de Patrícia Rascão, conta às crianças, a história de Pedro Alvito, o mestre templário que atribuiu o foral a Castelo Branco.

O primeiro dia do resto de uma vida

Quase 50 mil alunos entraram este ano, pela primeira vez, no ensino superior, através da primeira fase do Concurso Nacional de Acesso. É o segundo maior número de sempre, contrariando a demografia, e confirmando a tendência registada já no ano passado, que os jovens e as suas famílias percebem a importância da formação e da qualificação para o futuro. Para o seu futuro e para o futuro de um país que se quer competitivo.