Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso website. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Diretor Fundador: João Ruivo Diretor: João Carrega Ano: XXV

Universidade de évora Centro Infante abre portas

24-10-2022

O Centro Infante D. Henrique abriu, em setembro, as portas à comunidade, no Parque do Alentejo de Ciência e Tecnologia (PACT). A cerimónia contou com as presenças da reitora da Universidade de Évora, Hermínia Vasconcelos Vilar, ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, do autarca Pinto de Sá, do presidente da CCDR-A, Ceia da Silva e do diretor executivo do PACT, Soumodip Sarkar.
A nova estrutura vai acolher “empresas como a KPMG Portugal, o CEiiA e a Compta Emerging Business, as quais marcaram presença no Atrium Soumodip Sarkar, inaugurado pela Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, pela reitora da UÉ e pela Administradora do PACT, Filipa Fixe, como forma de homenagear o atual presidente Executivo do PACT pela sua contribuição, ao longo dos últimos cinco anos, para o crescimento e afirmação do projeto PACT”, revela a nota enviada à nossa redação pela academia de Évora.
Citada na mesma nota, Hermínia Vasconcelos Vilar considerou esta infraestrutura dedicada à tecnologia e inovação instalada na cidade eborense “um caso de sucesso e peça-chave numa estratégia que liga as várias partes interessadas da região em torno da criação das condições propícias ao desenvolvimento de um ecossistema de inovação”, deixando ainda a ideia de que o futuro da região deverá passar “pela inovação, sem perder,(...) a sua essência, marcada por tradições seculares. É nessa simbiose, entre o tecnológico e o saber fazer tradicional, que o Alentejo deverá prosperar, construindo, dia após dia, um futuro promissor para a comunidade local. Um desenvolvimento que deverá ser pautado pela consciência social e ambiental, onde a sustentabilidade e, sobretudo, a questão da energia assume posição de destaque”.
De referir que o PACT abrange mais 6100 metros quadrados e um investimento de cerca de 10 milhões de euros. Depois da inauguração dos quatro edifícios, no último mês, está em curso o processo de construção dos restantes três edifícios num investimento de 4,83 milhões de euros e um prazo de execução de 330 dias.

 
Voltar